Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Dick Haskins

por Ana Lages, em 23.02.17

Se há categoria que me deixa fascinada na literatura, são os policiais, suspanse e mistério! Foi por isso, que descobri com muito prazer este pequenos policiais da autoria de Dick Haskins, pseudónimo para António de Andrade de Albuquerque. Este escritor português, nasceu em 1929, em Lisboa. Com 25 anos publicou o seu primeiro livro "O Sono da Morte" e criou mais tarde a Colecção Policial Enigma, que levaria à consolidação do seu trabalho como escritor.

Resultado de imagem para antonio de andrade albuquerque

 

No entanto, naquela época (anos 60) era complicado publicar policiais de um português em Portugal, daí ele adoptar um pseudónimo, exigido na altura pela editora. Como na altura apreciava um actor relativamente conhecido do Reino Unido - Jack Hawkins - tirou daí o "Haskins".  Na altura, não foi caso único, pois houve mais escritores de policiais a fazerem o mesmo, mas Haskins foi o único que cruzou fronteiras com sucesso. Em 1961 os seus livros foram publicados em Espanha e na América do Sul, e em 1963 estenderam-se para a Alemanha e Suiça. Mais tarde, juntaria-se ainda a França, Itália, Holanda, Suécia, Nova Zelândia, Austrália, Grã-Bretanha, E.U.A., México, África do Sul. No total foram mais de 30 países, um verdadeiro feito. 

Resultado de imagem para antonio de andrade albuquerque

Em 1982, a RTP criou uma série de 12 episódios com base nos seus policiais. Uns anos antes, a sua obra "Fim-de-semana com a Morte" foi adaptada ao cinema, com o título "O Caso Bardot", sendo apresentado em vários países. 

 

No início dos anos 90, a editora Ulisseia publica novas edições de "O Espaço Vazio", "O Sono da Morte", "Obsessão", "Labirinto", "O Fio da Meada" e "Premeditação". Dois desses livros foram publicados recentemente pela revista Sábado, em modo de colecção. E eu comprei-os todos, claro!

IMG_20170222_195426.jpg

Como os livros eram vendidos separadamente da revista,ficaram pelo preço simóblico de 0,50€ cada, ou seja, 2€ no total! Uma verdadeira pechincha! 

Gostei de ler todos, mas aquele que me aguçou mais a curiosidade foi o "Espaço Vazio". O mais engraçado foi, logo na nota inicial do autor, haver a seguinte mensagem "A leitura da nota final deste livro só deverá ser feita na ocasião oportuna. Este livro não é aconselhado, portanto, a pessoas que não resistam ao impulso de sonhecer o desfecho de um romance antes de tempo.", o que me fez soltar um sorriso, pois eu faço quase sempre isso! Para bem o da história, neste não o fiz! E ainda bem, porque me surpreendeu e muito!

Um aspecto que eu acho que faz toda a diferença, é que António de Andrade de Albuquerque chegou a frequentar o curso de medicina, antes de se voltar para a escrita. Ora, isso tornou-se extremamente útil, no momento de descrever patologias, diagnosticar doenças, e até para desvendar os próprios casos de morte. Tudo isto, aliado a um mente fértil, faz entender o motivo do sucesso.

Quanto aos restantes livros, também gostei muito, embora ache, que para os dias que correm, o desenlace se torna um pouco cliché. Acredito que na época do seu lançamento, a recepção terá sido outra. 

Daqui em diante, ficarei atenta a livros do mesmo autor, e sempre que poder, adquirir mais um à colecção! 

É bom saber, que o Sr.António, ainda se encontra vivo e activo, na aldeia de São Bernardino, em Peniche. Saber que ainda consigo ocupar o mesmo espaço temporal, com escritores nacionais deste calibre, é para mim uma grande honra! Por isso mesmo, lhe desejo todas as felicidades, com muitos mais anos de escrita pela frente!

 

 

 

  

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados


Mensagens



Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Favoritos